ASTUTAS CILADAS

This entry is part 4 of 5 in the series Astutas Ciladas de Satanás

images (29)

EGOCENTRISMO

Assim diz o Senhor Jeová: Tu és o aferidor da medida, cheio de sabedoria e perfeito em formosura. Estavas no Éden, jardim de Deus; toda pedra preciosa era a tua cobertura: a sardônia, o topázio, o diamante, a turquesa, o ônix, o jaspe, a safira, o carbúnculo, a esmeralda e o ouro; a obra dos teus tambores e dos teus pífaros estava em ti; no dia em que foste criado, foram preparados. Tu eras querubim ungido para proteger, e te estabeleci; no monte santo de Deus estavas, no meio das pedras afogueadas andavas. Perfeito eras nos teus caminhos, desde o dia em que foste criado, até que se achou iniqüidade em ti. (Ezequiel 28. 12b-15 RC Ilumina Gold)

Por de traz da perfeição existe um grande mal, como homens julgamos que somente aquilo que é errado perante a sociedade, a lei e a prática religiosa é o que pode nos afastar de Deus, mas na perfeição também existe um caminho terrível.   O texto acima descreve um ser antes chamado Lúcifer, perfeito em todos os seus caminhos desde o dia em que foi criado, até que nele se achou iniquidade.

A perfeição, o talento, as qualidades e características, a aprovação tanto divina quanto humana de alguém pode levar o “eu” desta pessoa a visualizar o mundo a sua volta com base na sua própria experiência considerando a si mesmo como centro de todo interesse.

Egocentrismo, uma astuta cilada de satanás!

Egocentrismo é a tendência de tudo referir-se ao próprio eu; onde o individuo se vê como o centro de todos os interesses; por isto qualifica o amor excessivo a si próprio, sem considerar os interesses dos outros, gerando iniquidade.   A iniquidade surge do amor ao próprio ego, tornando o individuo injusto, perverso, malvado, iníquo uma vez que seu “eu” se sobressai sobre tudo e todos.

…até que se achou iniqüidade em ti.

Mesmo sendo criado com equidade (caráter do que é feito com justiça) o coração de Lúcifer se corrompeu diante de sua perfeição pelo juízo que fez de si mesmo encheu-se de iniquidade tornando-se mal, injusto, perverso, pai da mentira, denominado por isto Satanás, o que se opõe a Deus.

Os problemas sociais e humanos que enfrentamos nestes dias estão ligados ao egocentrismo.   Mesmo uma luta, que em princípio parece ser por algo nobre pode ter seus motivos corrompidos ainda que por uma minoria.

Vivemos numa sociedade que deveria ser o exemplo, o modelo de uma cidadania democrática diante das tantas evoluções cientificas nas quais estamos inseridos a fim de deixar maior exemplo a história da humanidade.   Entretanto o que ocorre é contrário ao que a humanidade denominou direitos humanos.

Grupos que lutam por seus direitos em relação a outros, entidades que defendem um grupo em decorrência de outro, governos que não administram para seus cidadãos, leis que não asseguram o estado de direito, pois são incapazes de dar resposta a sua própria violação.   No centro de tudo está o poder; poder para usar e abusar do que declaram ser liberdade; poder manifesto pela minoria que detém em suas mãos a maior renda da autarquia; poder da minoria, que administra os bens pertencentes à maioria.

O que é isto, se não o egocentrismo que aflora em todos os meios criando com isto uma iniquidade nunca antes vista.

E, por se multiplicar a iniquidade, o amor se esfriará de quase todos.

(Ev. Mateus 24. 12 RA-Ilumina Gold)

A multiplicação da iniquidade caracteriza o império do egocentrismo não só no coração dos ímpios, mas de uma grande parte dos cristãos, das instituições denominadas evangélicas, que deveriam demonstrar o amor de Deus conduzindo pessoas a se tornarem discípulos de Jesus.   Entretanto!

Não permita que o egocentrismo domine sua vida, seu coração, pois ele te conduzirá a prática da iniquidade, te levará por uma estrada de amor ao mundo e a você mesmo, tuas atitudes e conceitos irão se tornar contrárias a vontade de Deus; contrárias a Deus!

Não caia nesta astuta cilada de satanás.

Um novo mandamento vos dou: Que vos ameis uns aos outros; como eu vos amei a vós, que também vós uns aos outros vos ameis.  Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros.

Jesus Cristo

(Ev. João 13. 34-35 RC-Ilumina Gold)

ASTUTAS CILADAS

This entry is part 5 of 5 in the series Astutas Ciladas de Satanás

download-7

NEUSTÃ

A ingratidão do povo hebreu fez com que Deus enviasse em seu meio serpentes abrasadoras, grande foi o numero de mortes decorrentes da mordida das serpentes.   Da mesma maneira a natureza pecaminosa faz o ser humano pecar contra Deus, que por sua vez condena veementemente todo àquele que anda na pratica do pecado.   Muitas vidas têm sido destruídas, famílias inteiras conduzidas ao caos total, pois “o salário do pecado é a morte”… (Romanos 6. 23a RA)

Disse o Senhor a Moisés: Faze uma serpente abrasadora, põe-na sobre uma haste, e será que todo mordido que a mirar viverá. (Números 21. 8 RA)

A serpente de bronze é uma sombra daquilo que Deus faria por amor ao ser humano.   Apontava para o sacrifício, para a morte de Jesus Cristo, o que só ocorreu mediante a permissão de Deus (Pai).   Todo aquele que olhava para a serpente de bronze não morreria; em nossos dias não é diferente, pois todo aquele que crer e receber Jesus, tendo Ele como alvo em sua vida não será entregue a morte eterna, a saber, a segunda morte. (a morte do espírito, o lago de fogo).

Entretanto o povo Hebreu começou a atribuir a imagem física da serpente no madeiro o poder que lhes fazia viver; transformando-a em um poste ídolo ao qual chamaram Neustã.    Assim como os hebreus no passado, muitos cristãos e ímpios (não cristão) hoje, têm atribuído o Poder de Deus manifesto por meio de Jesus segundo a ação do Espírito Santo a Igreja, aos que se intitulam apóstolos, profetas, evangelistas, pastores e mestres, ao corpo eclesiástico, aos denominados levitas ou músicos, aos pregadores.   Infelizmente está prática tem conduzido muitos a um caminho de pecados sutis, pois acabam dando a homens honra e glória, creditando a Igreja (denominação) um poder que ela não tem.

Neustã! Uma astuta cilada de Satanás.

A final!   Para quem você está olhando?  Quem você está seguindo?

Jesus enviou ao mundo outro consolador, o espírito da Verdade por meio do qual Deus opera dando a Igreja condição de levar sua mensagem.   O poder que se manifesta por meio da Igreja, dos obreiros e dos santos pertence a Deus; que distribui talentos por meio do Espírito Santo; este por sua vez ministra a virtude de Deus colaborando com os ofícios concedidos por Jesus a cada crente.

O poder é de Deus, vem de Deus, pertence a Deus.

Mais do que nunca devemos seguir a Jesus entendendo que a Igreja, os ministros, os cristãos são apenas colaboradores, portanto é importante estarmos atentos para que satanás não use a figura de nossos irmãos, ou mesmo da Igreja para nos desviar do real propósito, pois  somente um homem deve ser seguido: Jesus.

Fez Ezequias o que era reto perante o Senhor, segundo tudo o que fizera Davi, seu pai. Removeu os altos, quebrou as colunas e deitou abaixo o poste-ídolo; e fez em pedaços a serpente de bronze que Moisés fizera, porque até àquele dia os filhos de Israel lhe queimavam incenso e lhe chamavam Neustã. (2REIS 18. 3-4 RA)

Tome como exemplo Ezequias, tire seus olhos de Neustã, em verdade em verdade te digo, só há um ministro o Espírito Santo, único capaz de convencer o ser humano do pecado, do juízo e da justiça.   Alegra-te não pelos milagres, mas pelo fato de estar escrito teu nome no livro da vida.  Digo-te hoje, muitos não serão salvos ainda que tenham recebido milagres em sua vida e estejam em meio a Igreja.

Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim, pois dEle, e por Ele, e para Ele são todas as coisas; glória, pois, a Ele eternamente, és o único digno de receber glória, e honra, e poder, porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade são e foram criadas. (Apocalipse 4. 11; Romanos 11. 36; João 14. 6 RC)

Quem tem ouvidos, ousa o que o Espírito diz a Igreja.