ENTREGA TEU DIA AO SENHOR

This entry is part 3 of 7 in the series Palavra do Pastor - Márcio R Silveira

04

Entrega o teu caminho ao Senhor; confia nele, e ele tudo fará. E ele fará sobressair a tua justiça como a luz; e o teu juízo, como o meio-dia. Descansa no Senhor e espera nele; não te indignes por causa daquele que prospera em seu caminho, por causa do homem que executa astutos intentos. (Salmo 37. 5-7 Bíblia Sagrada)

As palavras “entrega” e “descansa”, são de grande importância, pois formam o portal divino que você atravessa em seu caminhar diário com o Senhor. O seu bom pastor tem um propósito e ordem para cada dia de sua vida.

Os teus olhos viram o meu corpo ainda informe, e no teu livro todas estas coisas foram escritas, as quais iam sendo dia a dia formadas, quando nem ainda uma delas havia.(Salmo 139. 16 Bíblia Sagrada)

– Você sabe o que aguarda você no dia de hoje?
– Amanhã?
– Ou semana que vem!?

Para alguns, cada novo dia é uma emocionante aventura na vida; para outros, a ideia de um outro dia ou uma semana inteira de solidão é quase insuportável. Alguns talvez estejam enfrentando uma época de importantes decisões que poderiam mudar o resto de suas vidas, bem, qualquer que seja a sua situação a maneira de começar o seu dia é ordenando-o diante do Senhor.

Não estou querendo dizer que devemos gritar ou ditar ordens para Deus, e sim que devemos colocar o nosso dia diante d’Ele ponto a ponto, pessoas, lugares, eventos, decisões…
Você precisa apresentar-se diante do Senhor a cada dia e dizer; “Jesus, gostaria de falar contigo sobre o dia de hoje”. Fale sobre o que acha que o dia envolverá ou trará, pois sempre há coisas inesperadas que acontecem conosco.

É por isto que aparentemente nunca terminamos tudo o que havíamos planejado. Ás vezes, nada do que planejamos é realizado. Neste caso, nos sentimos frustrados, derrotados, contrariados a final, dias infrutíferos podem ser desanimadores. Descobri, no entanto que com o passar do tempo, os dias “infrutíferos” podem acabar se tornando mais “frutíferos” do que pensávamos no princípio.

É necessário algum tempo para que as sementes cresçam e produzam frutos. É encorajador lembrarmos que Deus nunca é pego de surpresa por coisas “inesperadas”. Ele prometeu, de qualquer maneira que; …todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito. (Rom 8. 28)

Os nossos planos e propósitos podem falhar, mas nunca os do Senhor, se ordenarmos nosso dia diante d’Ele. Amados esperem no Senhor confiem n’Ele e o mais Ele fará.

Um forte abraço, Deus vos abençoe.

  Márcio Silveira

Pr. Presidente IBCB-SL

VÓS ORAREIS ASSIM (7/11)

This entry is part 7 of 11 in the series ORAÇÃO

images (48)

e perdoa-nos as nossas dívidas,

 CONFISSÃO

Expor-se é a coisa mais difícil em um relacionamento, admitir seus erros revelando o que realmente pensamos sobre um assunto é para muitas pessoas uma coisa terrível.

A verdade é que ao longo da vida iremos errar, pecando ainda que de forma inconsciente contra nosso próximo, contra Deus.   Jesus exemplifica a necessidade de expormos a verdade diante de Deus “e perdoa-nos as nossas dividas, nossas ofensas, nossos pecados”.

Sua lição está no fato de que precisamos pedir perdão a Deus quando erramos, precisamos estar cientes de que em nossa caminhada vamos falhar.

Confessar nada mais é do que revelar aquilo que está oculto, que não se conhece, é trazer luz a realidade de um fato, uma verdade ocorrida ou vivenciada em nosso dia a dia.

As orações mais poderosas que iremos fazer em nossas vidas são aquelas que expressam nossos sentimentos tal qual eles ocorrem em nosso interior.   Muitas vezes você ira sentir vontade de tomar atitudes pecaminosas, vontade de fazer coisas que contrariam os desígnios de Deus, isto porque suas emoções foram afetadas pelas circunstancias atuais ou mesmo pela experiência já vivenciada diante de uma questão.   Devemos, no entanto resistir a tais desejos, confessando a Deus o que ocorre em nosso interior, o que se passa em nosso eu, e se você pecar.

Filhinhos meus, estas coisas vos escrevo para que não pequeis. Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo; e ele é a propiciação pelos nossos pecados e não somente pelos nossos próprios, mas ainda pelos do mundo inteiro. (1João 2. 1-2 RC-Ilumina Gold)

A primeira coisa que um cliente fala a seu advogado é o que de fato aconteceu para que este por sua vez possa realizar a defesa da melhor forma possível.

Este é o sentido de confessarmos a Jesus nossos erros, obtermos a misericórdia de Deus.

Você está pronto a confessar seus erros, pedindo perdão pelos pensamentos e pelas atitudes erradas que teve.

A maioria dos estudiosos concorda que Davi foi um homem segundo o coração de Deus pela rapidez com a qual se arrependia, buscando a partir daí a misericórdia do Senhor.

…já tem buscado o Senhor para si um homem segundo o seu coração e já lhe tem ordenado o Senhor que seja chefe sobre o seu povo… (1Samuel 13. 14 RC)

Apesar de não ter cometido pecado, em sua oração Jesus nos dá o exemplo de qual deve ser nossa postura diante de Deus.   Existem três formas possíveis de pecado: contra Deus; contra nosso próximo; contra nós mesmos; ainda que todas elas representem um pecado contra Deus pelo fato de ter ele criado todas as coisas.

A confissão fortalece nossa confiança em Deus que por sua vez tem a oportunidade de demonstrar toda a sua misericórdia e amor.

Existem situações vivenciadas em nossa vida que devemos falar com Deus, isto porque o processo de restauração ocorrido na vida de um convertido começa justamente com o arrependimento.  É a partir daí que nascemos de novo, nos tornamos uma nova criatura em Cristo Jesus, temos por tanto a oportunidade de nos abrirmos, nos expormos, nos despojarmos de nós mesmos para que Deus por meio de seu Espírito Santo possa realizar em nós sua obra.   Situações vividas na maioria das vezes em nosso passado podem ser utilizadas por Satanás a fim de no causar dor e angustia, nos levando a pensar que não somos o que a bíblia diz que somos.

Mesmo Deus conhecendo toda nossa vida é importante confessarmos nossos medos, nossos temores, nossos segredos mais íntimos a Jesus, está é a prova de nossa confiança, desta forma seremos fortalecidos por sua palavra que diz:

Portanto, agora, nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o espírito. Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da morte. (Romanos 8.1-2 RC-Ilumina Gold)

Ser um homem; uma mulher espiritual significa estar pronto a se arrepender, a confessar.

 Mesmo não tendo divida, Jesus se pôs na condição humana dizendo “e perdoa-nos as nossas dividas”.   Siga o seu exemplo e experimente a misericórdia do Senhor.

“Que seu molho de lã fique na eira da súplica até que seja molhado com orvalho do céu.”

Charles H. Spurgeon (1834-1892)